quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Bacalhau com broa e grelos.

Ontem chegaram cá a casa 3 postas de bacalhau de cebolada, um tupperware  de grelos (daqueles nada azedos)  sobras de um almoço (de família) de domingo.
Havia necessidade de serem usados quanto antes e não me apetecia repetir a ementa, além  do bacalhau não ser suficiente para comer em posta e eu preferir comê-lo em receitas que o levem lascado! Então decidi confeccioná-lo com broa de milho, sendo esta uma das receitas que me enche as medidas. Fiz assim:
- limpei o bacalhau de peles e espinhas e lasquei-o. Espremi bem os grelos com as mãos e parti-os e em pedaços pequenos. E por último tirei as côdeas broa (as quais fui comendo enquanto cozinhava) e esfarelei bem o miolo.
Num recipiente misturei todos os ingredientes, adicionei 4 dente de alho esmagado e parte do azeite da cebolada e envolvi bem. Passei o preparado para uma assadeira de barro e levei ao forno até ficar bem douradinho. 
Ficou tão bom, mas tão bom, que não sobrou nadinha de nada!



Uma ótima refeição, que em apenas 15 m ficou pronta para ir ao forno, com a imensa vantagem de ser a custo zero para mim e de não ter virado lixo em casa de alguém :))!

Beijos e abraços

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Olá a todos

Faz tanto tempo que não passo por este meu cantinho e já tinha tantas saudades, meu Deus! 
O natal está aí mesmo à porta, e eu, contrariamente aos outros anos, não tenho feito nada para oferecer e não fiz  novos enfeites, com excepção desta grinalda de Natal, que coloquei na porta da entrada. 
Reaproveitei uma tampa de caixa de cartão. Com a ajuda de um compasso, desenhei os circulo que é a base. Depois peguei em ráfia que tinha guardada e foi só forrar o papelão e prendê-la com fio de lã vermelha. A fita verde foi também uma reutilização, guardo todas as que vêm com presentes. E pronto, com duas bolas vermelhas dei -lhe um toque colorido. A foto não está famosa não, parece que a dita está torta, se calhar até está um bocadinho, mas foi o que saiu!


Para além disso temos uma rena, a 1ª  a chegar, acho que anda perdida do Pai Natal :)!


E o meu garrafão branco que ganhou uma fita e umas bolinhas vermelhas!



Beijos e abraços para todos



terça-feira, 21 de outubro de 2014

No meio deste corre que é a minha vida,

no fim de semana passado consegui, finalmente, voltar a fazer mais  9 litros deste detergente maravilhoso, sustentável e de imensa qualidade.


Consegui também aproveitar 1 kg de araça vermelho, que um colega teve a gentileza de me oferecer, e fiz uma deliciosa compota (sabor bem exótico)!




imagem retirada da net

Para além de ser delicioso, o araça é muito fácil de produzir em jardins, quintais ou varandas. O araçazeiro é um arbusto, que não atinge um grande tamanho sendo podado todos os anos. Diz quem sabe, que basta os frutos caírem em terra, que as sementes facilmente germinam. 
Desta vez tenho sementes a secar para utilizar no quintal da minha mãe. Para além disso, em breve me trarão um araçazeiro bébé que colocarei na minha varanda. Se tudo correr bem, dentro de 3 anos+- terei a minha produção doméstica de araça:))!

Receita

1kg de araça
1/2 kg de açúcar amarelo
2 paus de canela

Levar ao lume. Quando começar a ficar desfeitos, esmagar com a varinha, coar para outra panela para retirar as sementes que ainda são grandinhas, e por isso não muito agradáveis de encontrar. Levar de novo ao lume até fazer ponto estrada.

Pois é minha gente, aos pouquinhos lá vou repondo o meu stock de compota!


quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Quando o tempo

é pouco para tudo e a palavra de ordem é poupar, nada como resolver cozinhar tudo num mesmo tempo, com a mesma energia.
Ontem foi o que aconteceu por cá. Com o forno ligado aproveitei para fazer uma pescada assada com batata doce, para o jantar, umas espetadas de peru que serão o almoço de hoje, e umas belas castanhas assadas que foram sobremesa, regadas com uma bela jeropiga.  Ainda sobraram algumas, que foram descascadas e serão complemento em qualquer outro cozinhado.
No poupar é que está o ganho, sempre ouvi dizer toda a vida. De facto o ditado não podia ser mais correcto. 

Beijos e abraços

até à próxima

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Sorteio no Blogue " Flor Criativa".

O Blogue " Flor Criativa", está de parabéns no próximo dia 17 Outubro. Para assinalar os seus dois anos de existência, a minha querida amiga Rosinha decidiu fazer um sorteio de algumas das suas peças ( ela chama-lhe miminhos, eu digo que é arte).
Candidatem-se ao sorteio porque vale mesmo a pena e já agora aproveitem e divulguem os seus trabalhos, não custa nada!

Beijinhos e até à proxima

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Compota de figos

O Outono é a minha estação preferida, como já o disse em algumas ocasiões. O cheirinho a canela e a compota caseira que se espalha pela casa, nesta altura do ano, traz um conforto enorme à  minha alma.
Depois de um fim-de-semana na aldeia, regressei a casa com  (para além das batatas, cebolas, nozes, limas, quivis)  um cesto de figos, uns comestíveis, outros um pouco "inchados" da chuva. Não me preocupei muito com isso uma vez que a minha intenção era fazer compota (a minha compota  favorita de sempre, nham, nham!) e isso não seria entrave. Confirmo que realmente ficou deliciosa!

Ingredientes

1,5 kg de figos com a casca
500 gr de açúcar amarelo
2 paus de canela.

Foi só levar a lume brando até estarem bem desfeitos (não tiro a casca) e fazer estrada ao passar a colher de pau. Verter para frascos esterilizados no microondas e deixar arrefecer virados ao contrário.
Como repararam coloquei pouquíssimo açúcar pela simples razão que os figos são um fruto bastante doce por natureza.


Beijos e até um dia destes

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Depois de

tantos dias de ausência passo por cá essencialmente para dar uma satisfação a todos os que têm estado presentes na minha vida através deste blogue e que tanto são importantes para mim.
Quando iniciei este blogue encontrava-me complemente anestesiada quanto ao mundo novo da arte na reciclagem  e do Do It Yourself, onde tinha acabado de entrarde uma forma tão intensa e feliz. A reciclagem, a reutilização e o fazer eu própria trouxeram momentos de uma felicidade tão intensa e por isso mesmo indescritível. Mas nem sempre a vida corre a preceito de modo a conseguirmos manter dentro das nossas rotinas tudo o que mais gostamos. Comigo isto começou acontecer com o aumento da minha carga horária, obrigando-me a estar dentro do locar de trabalho mais 5 horas por semana. Fui fazendo um esforço, chegando por vezes à exaustão, para continuar a manter este meu escape, que me fazia tão bem à alma e que contribuía também para redução nos meus gastos. Neste momento não consigo mesmo fazer quase nada.
A entrada da minha MR no 1º ciclo, e o acerto no meu horário de trabalho para poder levá-la à escola faz com que chegue a casa por volta das 18.30 h e as 18.45 h. O apoio que tenho de lhe dar neste novo começo, o apoio que tenho dar à AJ neste fim (9º ano) que será também o ano de grandes decisões relativamente ao rumo a tomar no que respeita  ao futuro, requerem muito de mim. Não esquecendo o nosso pequeno novo habitante, o Simba, que estando só durante o dia, no final do dia também precisa que o mime e brinque com ele. Entre o emprego, a família, as refeições e toda a vida de casa, o tempo não dá para mais nada mesmo.
Já me senti tão frustrada, tão revoltada, tão indignada.Neste momento estou resiliente. O que não tem remédio, remediado está. A minha prioridade sempre foi a família e não podendo fazer mais nada neste momento para além do que é prioritário, tenho simplesmente que aceitar e seguir o caminho possível.
O principal ingrediente deste blogue sempre foi a reutilização e o DIY.  Como estas possibilidade, dignas de menção, pouco têm acontecido na minha vida, sinto que não tenho elementos dignos de serem partilhados convosco. 
Assim sendo,  e não querendo acabar com este espaço, onde eu fui já imensamente feliz, vou deixá-lo em stand by. Voltarei quando tiver algo que eu considere de fato verdadeiramente útil partilhar convosco e que não fuja constantemente do mote de "O Meu Mundo Criativo".
Um bem haja a todos.


Beijos e abraços