Polvo à lagareiro.


Há dias dias fiz polvo à lagareiro a pedido do P. que é fã. Ele gosta muito de polvo, mas confecionado assim ele adora.
Já vi muitas receitas por aí e na realidade continuo a manter-me fiel à minha que a meu ver é a mais fácil, rápida e gostosa  (modéstia à parte).


Eu faço assim, independentemente do tamanho do polvo:
na panela de pressão deito azeite, uma cebola aos quartos, uma folha de louro e junto o polvo ( o polvo nunca, mas nunca mesmo, deve ser cozinhado sem antes ter sido congelado porque de outro modo ficará duro para sempre). Quando começar a apitar deixo cozer por  20 minutos com o lume mais brando para não pegar no fundo.


Enquanto o polvo coze, lavo muito bem batatas pequenas com a casca, pico bem com um garfo, coloco-as num tabuleiro, deito-lhes por cima bastante sal grosso e levo ao forno a assar.
Quando o polvo está cozido retiro da panela de pressão, coloco numa assadeira com azeite e alho esmagado, envolvo o polvo nesta mistura e levo ao forno.
Entretanto as batatas ficam assadas, limpo-lhes o sal que está agarrado, dou-lhes um murro (adoro esta parte porque aproveito para pensar em pessoas que gostava de poder socar,  tipo Pedro Passos Coelho) e coloco-as junto do polvo, regando-as com o azeite deste.
Acompanho com salada de alface ou com grelos salteados.




Bom apetite


Fiquem bem

Até o próximo post

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Como cozinhar couscous.

Receita de detergente caseiro para a máquina da roupa.

Tira borboto - económico e eficiente.